livrarias em buenos aires

Buenos Aires, a cidade com mais livrarias do mundo

A capital argentina vai muito além do tango e é um prato cheio para quem ama literatura

15 de fevereiro de 2021

 

Se você gosta de literatura, tem mais um bom motivo para visitar Buenos Aires quando a pandemia passar: a capital argentina é a cidade com mais livrarias do mundo segundo reportagem do jornal La Nación. Abaixo, reunimos algumas que valem a pena conhecer – além, é claro, da mundialmente famosa El Ateneo.

 

Veja também: Algumas das livrarias mais legais do mundo (atualizado)

 

Librería Mandrágora

 

livrarias buenos aires

Foto: Divulgação

Além de vender livros, o espaço, que fica no bairro de Villa Crespo, funciona também como bar e local de eventos relacionados à literatura como oficinas e clubes de leitura. Nas estantes, predominam obras independentes sobre narrativa contemporânea, feminismo e ciências sociais.

Saiba mais aqui.


La Libre

 

livrarias em buenos aires

Foto: Divulgação

Localizada no tradicional bairro de San Telmo, a livraria fica em um casarão e conta com diversas surpresas para escritores e amantes da literatura: há, por exemplo, uma mesa dedicada à Clarice Lispector e várias obras raras de autores argentinos e estrangeiros. O espaço também recebe eventos literários – um que rolou este ano foi o de literatura de mulheres em inglês.

Saiba mais aqui.

Malas Além: em 3 tamanhos e cheias de funcionalidades
sem dadossem dadossem dados

Brezal

 

livraria argentina

Foto: Divulgação

Quem visita a Galería Patio del Liceo, na região do bairro Norte e próxima de Palermo, encontra no primeiro andar a pequena e charmosa Brezal. A livraria conta com um acervo interessante de obras de cinema, música, quadrinhos e arte.

Saiba mais aqui.


Librería Mi Casa

 

livrarias argentina

Foto: Divulgação

A livraria especializada em poesia e autores locais não leva este nome à toa: fica dentro da casa da proprietária, no bairro de Villa Crespo. O local, em atividade há mais de 10 anos, é famoso por ser uma das livrarias independentes mais conhecidas da cidade.

Saiba mais aqui.


Céspedes Libros

 

livrarias buenos aires

Foto: Divulgação

A pequena livraria no bairro Colegiales se destaca pela curadoria. Todos os meses a vitrine e as estantes são reorganizadas de acordo com temas e listas que os próprios colaboradores criam. Esta é a maneira que o espaço encontrou de mostrar sua personalidade e se diferenciar das outras tantas livrarias da cidade.

Saiba mais aqui.


El Ateneo

 

livraria el ateneo

Foto: Divulgação

Imagine uma livraria dentro de um teatro clássico. Não precisa ir muito longe: a El Ateneo do bairro da Recoleta, em Buenos Aires, é justamente isso. Inaugurada no ano 2000, ela ainda mantém o estilo arquitetônico do Teatro Grand Splendid, construído em 1919 e onde aconteceram muitas apresentações de tango – antes de dar espaço para a livraria, também foi um cinema. São cinco andares repletos de livros e história. Não à toa, já foi considerada pelo jornal britânico The Guardian uma das livrarias mais bonitas do mundo.

Saiba mais aqui.


Veja também: Para matar as saudades – filmes que se passam em Buenos Aires

Fim

Veja também